quarta-feira, abril 01, 2009

Guiné-Bissau: Líder do PADEC espancado por grupo de homens fardados

No Jornal Digital: "Bissau - O Presidente do Partido para a Democracia Desenvolvimento e Cidadania (PADEC), Francisco José Fadul, e a sua esposa, foram espancados na sua residência, na madrugada desta quarta-feira, por um grupo de militares ainda não identificado. Como consequência do espancamento, Francisco Fadul encontra-se hospitalizado nos cuidados intensivos do Hospital Nacional «Simão Mendes», onde está a receber tratamento médico. Em declarações à PNN, Francisco Fadul prometeu mover uma queixa-crime contra o Governo da Guiné-Bissau, em particular contra o ministro da Defesa,uma vez que as instituições do Estado controlam as estruturas militares da Guiné-Bissau." [notícia completa]

[Actualização] Foto recebida pelo Grupo 19:

3 comentários:

Anónimo disse...

Para a Guine- Bissau agora no meu ponto de vista so resta duas solução:
Rezar e pedir a Deus para mandar um outro Amilcar Cabral.
Fazer voltar para la os brancos.
Assim o país funciona e volta a normalidade

Anónimo disse...

Eu como ja fui tropa e agora formado em Economia vou para la brevemente gerir as forças armadas mostrar aqueles militares bastardos o melhor caminho para voltar os quarteis e um bom cantinho para guardar e fechar as armas oferecendo em troca uma sandes bem rechiado de carme humana

Marcos disse...

gostaria de saber de uns sites do país de guiné bissau por gentileza me passar por email e msn se quiser adicionar marcosmauriciogc@hotmail.com